Outubro Rosa: Ação social “Corte de Cabelos” acontece no dia 18

0
362
SB post

Acontece no próximo dia 18, das 9h às 16 horas, na Secretaria da Mulher, uma ação social de “Corte de Cabelos”, para doação à ONG Cabelegria e o Banco de Perucas. A Atividade faz parte da programação para celebrar o Outubro Rosa, movimento mundial que tem como objetivo chamar atenção para realidade atual do câncer e a importância do diagnóstico precoce.

No início de setembro, a administração municipal, em parceria com a Cabelegria e Rede Feminina de Combate ao Câncer de Poá, inaugurou o Banco de Perucas, um projeto pioneiro no Alto Tietê, que oferece perucas a pacientes de todas as idades que estão em tratamento de câncer. O espaço está instalado na Rua Fernando Pinheiro Franco, 141 e atende pessoas de toda região.

“É um trabalho lindo e maravilhoso da ONG Cabelegria. Tive a oportunidade de conhecer a iniciativa e conseguimos trazer primeiro o Banco de Perucas Móvel para Poá, que realizou uma ação na cidade em maio e agora temos um espaço fixo no município. Além de todo o sofrimento com o tratamento do câncer, a autoestima do paciente fica bastante abalada com a queda do cabelo e o acesso às perucas ajuda muito”, explicou a secretária da Mulher, Jeruza Reis.

O Banco de Perucas possui uma prateleira com diversos modelos e bancada com espelho. São necessários cerca de 300 gramas de cabelo para se confeccionar uma peruca. Atualmente, o Cabelegria conta com mais de 80 mil doações de todo o mundo.

De acordo com a idealizadora do Cabelegria, Mariana Robrahn, para retirar as perucas em Poá o paciente precisa fazer um cadastro. “A partir disto vamos aprovar esta ficha. Porém, o solicitante também precisa apresentar um laudo médico, um comprovante de quimioterapia e um documento de identificação. Reforçando que atendemos ainda pessoas com outras doenças, além das em tratamento de câncer”.

Outubro Rosa

Além da ação social de “Corte de Cabelos”, os eventos do Outubro Rosa seguem até o final do mês. A Secretaria de Saúde tem oferecido palestras educativas e preventivas nas salas de espera das unidades de saúde (temas menopausa, câncer de mama e câncer de colo de útero) e a programação conta ainda com a participação do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, entre outros órgãos e pastas municipais.

Entre os workshops, estão programadas atividades de culinária e artesanato. Já as palestras abordam temas relacionados ao câncer e a importância do diagnóstico precoce, sobre o Conselho Estadual da Condição Feminina e sobre os direitos da “Mulher Idosa”.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome