Praia Grande zera a fila de espera de hemodiálise e também atenderá pacientes da região

Nefro PG torna-se referência regional no atendimento especializado

0
322
SB post

Praia Grande zera a fila de espera de hemodiálise. Através da habilitação do Ministério da Saúde, a partir de 18 de dezembro, a Unidade de Alta Complexidade em Cuidados ao Portador de Doença Renal Crônica e Terapia Renal Substitutiva de Praia Grande (Nefro-PG) contará com 140 vagas. Já em janeiro de 2018, a unidade passa a operar com a capacidade total de, aproximadamente, 210 vagas para hemodiálise.

Atualmente, a unidade possui 14 equipamentos de hemodiálise e atende 35 pessoas de Praia Grande. A Cidade disponibiliza esses serviços com recursos próprios. Com a habilitação, a Nefro-PG passa a ter 35 equipamentos e aumenta sua capacidade de atendimento em 500% para toda a região.

Os 44 pacientes de Praia Grande que atualmente aguardam uma vaga para a realização do tratamento serão atendidos pela Nefro-PG que também atenderá imediatamente as cidades de Itanhaém (9 pacientes), Mongaguá (9 pacientes) e Peruíbe (5 pacientes). A unidade também poderá receber pacientes de outras cidades da Baixada Santista.

O cronograma de Ampliação de Acesso à Pessoa Portadora de Doença Renal Crônica foi apresentado na reunião ordinária da Comissão de Intergestores Regional (CIR) pelo secretário de Saúde Pública de Praia Grande, Cleber Suckow Nogueira, e foi aprovado pelos presentes. “Com essa enorme ampliação da capacidade desse equipamento, toda a região será beneficiada, o que significa mais saúde e qualidade de vida para toda a população”, comentou.

A habilitação do serviço e a vinda de recursos do Governo Federal é resultado direto do trabalho coordenado pelo prefeito de Praia Grande e atual presidente do Condesb (Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista), Alberto Mourão, denominado ‘Radiografia da Saúde’. Com os dados atualizados de atendimentos e reais necessidades orçamentárias das cidades da Baixada Santista para atender as demandas reprimidas da área da Saúde em mãos, o presidente do Conselho liderou uma comissão em audiência com o Ministro da Saúde, Ricardo Barros, em Brasília. O trabalho culminou com a liberação de mais R$ 120 milhões por ano para a região. Os valores só são liberados pela União após cumprimento de procedimentos legais, fases superadas por Praia Grande no caso da Nefro PG. “Com essas novas vagas, nós vamos desafogar também os leitos de UTI que, muitas vezes, são utilizados pelos pacientes de hemodiálise. A Nefro PG já está operando há, aproximadamente, um ano e meio e, a Cidade estava custeando o serviço sozinha e agora com o credenciamento e portaria do Ministério da Saúde o serviço será ampliado e beneficiará toda a região”, disse Mourão.

Estrutura – Localizada na Avenida Presidente Costa e Silva, nº 1.397, Bairro Boqueirão, a Nefro-PG conta com uma equipe altamente capacitada e titulada, com a formatação de multidisciplina composta por médicos nefrologistas (adulto e pediátrico), enfermagem, psicologia, nutrição e assistência social. A unidade é gerenciada pela Fundação do ABC.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome