Brinquedos educativos: ideais para o desenvolvimento dos bebês

0
772
SB post

Em seus primeiros anos de vida, os pequenos vivem em um mundo de descobertas. São novos cheiros, sabores, formas, sons e texturas. E sabemos que o desenvolvimento da criança é resultado da interação da aprendizagem natural com os estímulos oferecidos pelos adultos. Por isso, é muito importante que os bebês cresçam e se desenvolvam dentro de um universo de amor e carinho, cercados de objetos e brinquedos adequados à sua faixa etária.

Por meio das brincadeiras, os pequenos interagem com o mundo que os rodeia, assimilando e aprendendo novas informações. Os brinquedos educativos para bebês são considerados importantes aliados no processo de aprendizado, ajudando a estimular o desenvolvimento motor, psíquico, visual e cognitivo.

Desde os chocalhos aos blocos de montar, os brinquedos são capazes de motivar e acelerar o desenvolvimento das crianças por meio do prazer, da diversão e da alegria. Com esses brinquedos, os pequenos têm importantes capacidades estimuladas, tais como: atenção, imitação, memória, imaginação, socialização e experimentação de regras.

como estimular os sentidos do bebe

Brinquedos que estimulam os sentidos são ideais para a primeira fase de vida dos pequenos

Os bebês desenvolvem ligações emocionais e associações com os brinquedos. Você já percebeu como eles se sentem seguros enquanto dormem abraçados com os ursinhos ou algum outro brinquedo? Paninhos, cobertores e brinquedos de pelúcia trazem segurança ao neném, pois estão relacionados ao colo e ao aconchego.

Conforme os bebês vão crescendo, dar um único banho por dia não será suficiente. Além disso, o banho noturno não só manda a sujeira embora depois de um dia de muitas atividades, como também acalma a criança antes de ir para o berço. Mas para convencê-los a entrar na banheira, você precisa transformar esse momento em uma festa! É aí que os brinquedos para banho entram em cena! Eles ajudam o bebê a ficar calmo, tornando o momento do banho mais agradável e divertido.

Vale lembrar que brincar com o pimpolho reforça os laços afetivos. A participação dos adultos na brincadeira enriquece e contribui para fortalecer o vínculo entre pais e filhos. Estar presente nesse momento ajuda a reforçar a afetividade, confiança, companheirismo e cumplicidade.

Os brinquedos devem ser cuidadosamente escolhidos, de modo a serem divertidos e ao mesmo tempo educativos. Mas se você não sabe qual é a melhor escolha, preparamos um guia com todas as dicas, conforme a faixa etária do seu bebê.

 

Brinquedos para recém-nascidos e bebês de até 5 meses. Começando a brincadeira!

bebê tapete mobile colorido

Aposte em brinquedos coloridos, macios e atraentes para bebês

Os recém-nascidos e bebês de até 5 meses ainda estão se acostumando com o mundo aqui do lado de fora. O ideal é que eles sejam estimulados a interagir com o seu novo ambiente aos poucos, de forma suave. Por isso, os móbiles musicais, bonecos de borracha e tapetes coloridos são perfeitos para esse período inicial.

Nessa fase, também é importante estimular os sentidos dos bebês, seja cantando, seja abraçando e acariciando. Eles passarão de um estado de quase inércia para as primeiras reações intencionais, em que já conseguirão fixar os olhos em objetos atraentes, como: brinquedos coloridos, tapetões com arcos, penduricalhos, entre outros objetos.

É indispensável investir em brinquedos que chamem a atenção, sejam fáceis de agarrar e possam ser levados à boca com segurança. Podemos citar como exemplo, os mordedores, com diferentes formatos, feitos de materiais macios e que aliviam o incômodo causado pelo nascimento dos dentinhos.

Na hora de comprar o brinquedo para o seu filho ou dar de presente à outra criança, escolha um material de pano ou borracha maleável para evitar que o pequeno se machuque.

Quais os melhores brinquedos para os bebês de 6 a 12 meses?

bebê blocos empilhar mamãe papai

Participação dos adultos nas brincadeiras ajuda no desenvolvimento dos pimpolhos

Os brinquedos para essa faixa etária devem servir como estímulos para engatinhar, dar os primeiros passinhos e melhorar a mobilidade. Cadeiras de descanso, bolas, jogos para empilhar e brinquedos com sons são ideais nessa fase de 6 meses até 1 ano.

Para estimulá-los, é interessante oferecer brinquedos que exijam o uso da coordenação motora, que promovam o toque, a fala e ajude a reconhecer as partes do seu próprio corpo. Eles adoram apertar, sacudir, jogar, bater e empilhar.

Os ursos de pelúcia, bonecas, bichinhos flutuantes para banho, livrinhos de pano, grandes cubos para empilhar e chocalhos ainda fazem parte da vida dos bebês nesse período e também são ótimas opções. Mas não se esqueça: tudo muito colorido!

Brinquedos para crianças de 1 até 1 ano e meio – o reconhecimento de objetos e sons

bebê brinquedos peças grandes

Brinquedos com peças grandes oferecem mais segurança as crianças

Nessa fase, um pouco mais crescidinhos, os bebês imitam sons e reconhecem objetos. Adoram brincar de espalhar e guardar tudo (claro, que ao seu modo!). Eles ainda levam coisas à boca; por isso, na escolha dos brinquedos, é de extrema importância não conter peças pequenas que possam ser engolidas. Procure sempre por brinquedos certificados pelo INMETRO.

Os brinquedos de montar e desmontar estão entre os escolhidos para as crianças se divertirem e aprenderem. Além disso, os brinquedos de formas geométricas, como cubos, círculos e triângulos, são ideais para essa fase.

Os brinquedos que emitem sons de carros, de animais e de telefones sempre despertam o interesse dos pequenos e os levam a conhecer um pouco mais do mundo que os cercam.

Brinquedos para crianças de 18 meses aos 2 anos de idade: reconhece formas e cores

bebê carrinho caminhão movimento

Os brinquedos de empurrar e puxar são muito explorados pelos bebês

O seu bebê está crescendo e já reconhece algumas formas e cores. Até sabe procurar e encontrar objetos que guardou. Gosta ainda mais de brinquedos que possam empurrar, puxar, encaixar e explorar com os dedos.

Entre um ano e meio e dois anos, eles adoram descobrir como as coisas funcionam; por isso, escolha artigos de montar, bichinhos de plástico, brinquedos para encaixar,que geralmente apresentam cubos com formas vazadas para encaixar peças similares.

Os carrinhos educativos, caminhões e carros em geral, ajudam a desenvolver a imaginação, permitindo que a criança tenha noções de regras, controle de velocidade e exploração espacial, como subir, descer, alto e baixo.

Adote também brinquedos que possibilitam associações. Uma bola, por exemplo, mostrará que ao bater no chão, ela volta para as suas pequenas mãos. Isso irá estimular o seu desenvolvimento cognitivo.

Brinquedos para crianças após os 2 anos.  Brincando com os amiguinhos!

bebê criança movimento amiguinho

A Socialização com outras crianças é muito importante para a sua interação social e independência

Após os 2 anos de idade, a criança começa a descobrir o prazer de brincar com o outro. O individualismo sai de cena e a socialização mais intensa com os amiguinhos já faz parte do seu cotidiano.

Os pequenos começam a gostar de brinquedos que os induzam ao movimento, como triciclos, carrinhos grandes em que possam subir e carregar com objetos, balanço e bolas. Os instrumentos musicais infantis, como pandeiros, pianinhos e tamborzinhos ajudam a desenvolver a região motora dos pimpolhos.

Com dois anos e meio, a criança assimila centenas de palavras em pouco tempo. Já é capaz de construir frases simples e completas, compreende perfeitamente o significado da palavra “não”. Por isso, é importante apostar em CD´s de músicas infantis para cantar e dançar. Além de livrinhos musicais que são perfeitos para o desenvolvimento da criançada.

Brinquedos para crianças de 3 anos. Brincando e aprendendo!

crianças pintar desenhar construir

A pintura, desenho e rabisco trabalham a coordenação motora, agilidade, ritmo e inteligência da criança

Quando chega aos 3 anos de idade, a criança já não se importa tanto em brincar sozinha e sua imaginação rola solta. Mesmo assim, a diversão com outros pequenos é uma delícia! A coordenação fina está mais segura, ou seja, o desenvolvimento dos músculos pequenos das mãos, da palma aos dedos, bem como a musculatura ao redor da boca e dos olhos se movimentam de forma mais firme. É nessa fase que a lateralidade (destra ou canhota) normalmente se define.

Por gostar de montar, construir e desenhar, os jogos de habilidade, pedagógicos e brinquedos de montar mais elaborados são ótimas opções. Carrinhos de pedal, fantoches, dedoches, areia, argila e tintas de guache também fazem sucesso entre a garotada nessa fase.

As crianças também aprendem a colorir e desenhar círculos e bonecos, pois tem maior capacidade de concentração, paciência e persistência. Além disso, começam a se divertir com bonecas e bonecos, panelinhas, casinhas e barracas infantis.

Dicas para presentear a criança com segurança!

– Só compre brinquedos certificados pelo INMETRO, é a única maneira de garantir que não vai machucar a criança, soltar tinta ou partes perigosas;

– Fique atento à indicação de faixa etária estampada na embalagem, pois ela evita que os brinquedos possam ser engolidos ou que a criança não consiga brincar;

– Verifique se o brinquedo não quebra fácil antes de oferecê-lo à criança. É a melhor forma de descartar qualquer possível acidente;

– Cuidado com os chocalhos que contêm bolinhas coloridas dentro, o bebê pode engolir algumas delas caso saia por rachadura ou quebras;

– Brinquedos pequenos jamais devem ser dados para os bebês, já que a maioria das coisas que eles pegam é levada à boca;

– Nunca adquira brinquedos que tenham partes destacadas, como olhos de bichinhos de pelúcia, partes pequenas e pontiagudas;

– Cordinhas para puxar brinquedos e fitas não são recomendadas;

– Nunca ofereça ao bebê balões de látex (bexigas), pois quando estouradas podem ser engolidas pela criança, causando asfixia;

– Os bebês jamais devem ser deixados sozinhos em locais sem proteção, como camas, trocadores ou sofás.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome