4 dicas para fazer uma redação nota mil no ENEM

Conheça as melhores dicas dos professores especialistas do Colégio Salesiano e fique por dentro de tudo o que precisa saber para produção textual no Exame Nacional do Ensino Médio

0
418
SB post

O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) acontece nos dias 5 e 12 de novembro em todo o Brasil. São 180 questões de múltipla escolha divididas entre quatro disciplinas: Ciências Humanas e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Matemática e suas Tecnologias; Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.

No entanto, a redação é uma das partes mais importantes da prova, já que é nesse momento que os estudantes têm a oportunidade de mostrar todo o conhecimento de escrita e desenvolvimento criativo. Pensando nisso, o Colégio Salesiano Santa Teresinha abriu aulas extras e específicas para os alunos tirarem as principais dúvidas.

Confira as dicas da professora de Produção de Texto Katya Maia Motta e do professor de Língua Portuguesa Marcio Mainardi para se dar bem no próximo final de semana:

A linguagem correta: A redação deve ter até 30 linhas e escrita no estilo dissertativo-argumentativo em prosa. Ou seja, o candidato defende um ponto de vista sobre o tema proposto, sempre apoiado por argumentos consistentes e estruturados com coesão e coerência. Esse tipo de texto exige objetividade, clareza e impessoalidade. Para alcançar uma linguagem sem marcas pessoais ou traços de subjetividade, pode-se empregar a primeira pessoa do plural “nós” ou ainda um sujeito indeterminado. Aliás, esta é uma das diferenças entre o texto dissertativo-argumentativo e o opinativo, pois no segundo há a possibilidade de uma escrita com marcas pessoais e indícios de subjetividade marcados pela presença da primeira pessoa “eu”.

Seja antenado: Uma dica para se preparar para fazer uma boa redação é pesquisar os últimos temas abordados e conhecer as competências cobradas pelo Enem. De posse dessas informações, o treino é essencial. Além disso, é importante construir um bom repertório sociocultural, ou seja, a habilidade de discorrer sobre os mais diversos assuntos. Dessa forma, o tema da proposta não será uma preocupação.

Objetividade é tudo: Uma maneira para escrever um texto dissertativo-argumentativo de forma clara e direta é elaborar, antes mesmo de produzir o rascunho, um esquema textual, ou o projeto. Antes de escrever a primeira linha é importante que já se tenha uma ideia clara do “caminho” que o texto seguirá. Ao realizar a leitura dos trechos motivadores da proposta de redação, grife as palavras-chave que nortearão a seleção do repertório sociocultural e da argumentação que serão apresentados ao longo do processo de escrita. Na introdução, procure apresentar o tema e a tese. É importante não se esquecer de que o repertório sociocultural deve se relacionar à tese e aos argumentos que, por sua vez, devem ser comprovados. A preocupação com uma sequência lógica e harmônica entre as ideias apresentadas é essencial. Para isso, o assunto leva à tese, que é comprovada por embasamento e enriquecida pelo repertório sociocultural. Não se esquecendo de que esse princípio também precisa ser levado em conta no momento da elaboração da Proposta de Intervenção.

Revise e depois revise de novo: Um texto é como uma joia a ser lapidada. Dessa forma, a revisão é de extrema importância, pois agrega valor ao produto final. É comum que o primeiro rascunho apresente o fluxo de ideias, ou seja, a forma de pensamento do seu autor. No entanto, como o texto dissertativo-argumentativo exige formalidade e clareza, é essencial que possíveis desvios ortográficos e gramaticais, assim como repetições de ideias ou palavras, imprecisões vocabulares, traços de informalidade, entre outros, precisem ser conferidos e eliminados. A revisão final pode transformar um texto mediano em uma criação que atinja o auge da excelência.

Sobre o Colégio Salesiano Santa Teresinha:

Fundado em 1937, o Colégio Salesiano Santa Teresinha (Rua Dom Henrique Mourão, 201 – Santa Terezinha) destaca-se na Zona Norte de São Paulo como um notável centro de ensino para os níveis Infantil, Fundamental e Médio. A instituição é centrada na Metodologia do Amor Educativo e no Sistema Preventivo, que se resumem em três dimensões: Razão, Religião e Afeto – bases da proposta pedagógica de Dom Bosco, santo católico que atuou como educador de crianças e jovens no século XIX. Além disso, o Colégio Salesiano Santa Teresinha conta com uma gama variada de atividades extracurriculares que incentivam os jovens a desenvolverem outras habilidades além do padrão de escolas comuns. Para mais informações, acesse: www.salesianost.com.br

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome