A VIDA COR-DE-ROSA

0
237
SB post

Millenial pink: o símbolo de uma geração – e de bom gosto! 

A situação do mundo pode não ser das melhores, mas para os millenials – aqueles nascidos entre 1980 e meados dos anos 1990 –, a vida é mesmo cor-de-rosa. E não é apenas uma metáfora: o tom ganhou passarelas e prateleiras mundo afora e se tornou uma das marcas dessa geração, tanto que acabou ganhando o apelido de “millenial pink”.

Observe a cultura pop ao redor: do figurino da top model Gigi Hadig ao cenário do filme “O Grande Hotel Budapest”, do cineasta pra lá de hipster Wes Anderson, passando pela ironia da estética artística/digital vaporwave, tudo agora tem o rosa como ponto de partida.

Mas antes de mais nada, um esclarecimento: esqueça o rosa-choque do mundo da Barbie e das meninas que cresceram sonhando em ser princesas. O millenial pink é mais claro, meio pastel, e muito mais sóbrio.

A Pantone já tinha levantado a bola: o instituto havia definido para 2016 o pink quartz como cor do ano, junto com o serenity blue. Dois anos depois, o que se viu foi o movimento inverso: nas ruas e nas redes sociais, o público adotou a cor para si feito uma bandeira: a cor simboliza a quebra de fronteiras entre masculino e feminino – por isso é um dos símbolos da luta LGBT e mesmo do feminismo, que busca a equidade entre os gêneros. Para se ter uma ideia, nas lojas fast fashion mundiais (como Macy’s e H&M), o número de peças confeccionadas com a nova cor aumentou 40% no último ano.

A cor também carrega um traço da personalidade dessa geração: uma certa síndrome de Peter Pan, aquela vontade de não envelhecer jamais. Isso porque ela tem um quê de nostalgia, de milk shake de morango a algodão-doce – pura infância.

Na decoração, por não ser uma cor muito vibrante, ela pode ser usada de diversas maneiras – versátil,  é moderna e ainda elegante, seja nas paredes, seja nos acessórios ou nos próprios móveis. Os itens metálicos já haviam entrado na onda com o tom rosê, que veio para dar um respiro ao excesso de prateados e dourados.

O mundo, afinal, pode ainda não ser cor-de-rosa. Mas você pode ajudar com um cantinho de cada vez.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome