Você pode realmente morrer de ressaca? Cientistas explicam

Afinal aquela dor de cabeça após a bebedeira pode mesmo te matar? Perguntamos à nutricionista e autora do livro ressaca zero, Angela Faustin.

0
266
Você pode realmente morrer de ressaca?
SB post

Estima-se que as ressacas custem à economia US$ 148 bilhões por ano, devido à falta de trabalho e ao desempenho insatisfatório do trabalho.É seguro dizer que a maioria das pessoas experimentou a ressaca pelo menos, uma vez na vida.

Isso não é surpreendente para a nutricionista, ela comenta que de acordo com uma pesquisa feita pela Australian Bureau of Statistics, jovens e adultos bebem cerca de 9,6 litros de álcool puro por ano.

O álcool afeta a todos de forma diferente e você pode experimentar uma ressaca no dia seguinte.
Isso causa:
-Dores de cabeça
-Diarreia
-Náusea
-Boca e olhos secos
-Cansaço
-Aumento da frequência cardíaca
-Ansiedade
-Tremores

Você pode realmente morrer de ressaca?
A nutricionista e especialista em doenças hepáticas, diz que você não vai “necessariamente” morrer de uma ressaca, mas “o excesso de álcool pode causar uma overdose”.
O álcool é uma droga depressora que retarda as mensagens que viajam entre o cérebro e o corpo.Uma ressaca pode resultar em respiração reduzida, envenenamento por álcool e desidratação.
Então tecnicamente, uma ressaca pode causar a morte, mas pode ser devido a um fator contribuinte.

Que efeito o álcool tem no seu corpo?
Quando uma pessoa bebe, o álcool é absorvido pelo estômago e pelo intestino delgado.
“Ele absorve muito rapidamente e afeta o cérebro e a coordenação”, disse Angela Faustin.
A exposição prolongada ao álcool pode encolher os lobos frontais do cérebro de uma pessoa e causar alucinações e fala arrastada.

Pode levar a doenças:
-Cardiovasculares
-Câncer de garganta e boca
-Danos ao fígado
-Infecções pulmonares
-Causar pancreatite crônica
O álcool tem um efeito diurético que faz com que alguém urine mais frequentemente, resultando em desidratação.
Também pode resultar em desnutrição, pois o álcool evita que minerais e vitaminas sejam absorvidos pelo organismo.

Quais são alguns métodos de prevenção para uma ressaca?
A nutricionista diz que existem numerosos métodos para evitar uma ressaca.
“Certifique-se de não beber com o estômago vazio, mantenha-se hidratado e tome água antes de ir dormir.”
O cansaço é um “fator-chave”, então descanse o máximo que puder, disse Angela.
“Também é importante evitar coisas que possam perturbar o seu estômago, como a cafeína, por isso coma alimentos nutricionais leves. Pense antes de tomar esse café”, disse ela.
“Essencialmente, uma ressaca é a forma de dizer que você bebeu demais, então não beba tanto da próxima vez.”

Quanto tempo dura o envenenamento por álcool?
O nível de álcool no sangue de uma pessoa continuará a subir por 30 minutos após a última bebida enquanto o fígado ainda estiver processando ela.
“Uma bebida padrão é metabolizada em uma hora… isso significa que 20 bebidas padrão levariam 20 horas para metabolizar”, disse a nutricionista.

Por que algumas pessoas toleram mais o álcool do que outras?
Há um número de variações para uma baixa ou alta tolerância ao álcool.
Isso inclui:
-Tamanho
-Peso
-Sexo
-Condição de saúde
“Em geral, os homens são maiores que as mulheres”, disse Angela.
“Se um homem médio e uma mulher comum tivessem a mesma quantidade de bebidas, a mulher teria uma leitura mais elevada de álcool no sangue.”
“A combinação de alguns alimentos pode ser a chave para evitar e até mesmo eliminar a ressaca uma vez que ela já ocorreu”

Para ter mais informações sobre o livro da nutricionista e outras dicas para eliminar a ressaca, basta digitar “ressaca zero” de Angela Faustin em seu navegador.

Informações de Contato:
Nome: Dra. Angela Maria Faustin de Jesus – CRN-8 11109
E-mail: suporte@ganheisaude.com.br
Telefone e WhatsApp: (043) 99157-8675

Website: https://ganheisaude.com.br/ressaca/

Conheça o portal de anúncios Será que Tem?

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome