Prefeitura de Mogi das Cruzes apresenta Lei Municipal que concede área para instalação do Sesc no bairro do Socorro

0
554
Foto: Guilherme Berti /PMMC
SB post

O prefeito Marcus Melo apresentou na quarta-feira (18/04), na sede do Sindicato do Comércio de Mogi das Cruzes, a Lei Municipal nº 7.345, de 5 de abril de 2018, que concede ao Sesc a área para instalação do Centro Cultural e Desportivo, no bairro do Socorro. A lei foi enviada para a Câmara Municipal no dia 19 de dezembro e aprovada pelos vereadores no último dia 4 de abril.

A lei aprovada pelo município prevê que a área seja cedida ao Sesc por 99 anos, e não de forma definitiva. “Hoje é um dia muito importante, com sentimento de construção para o crescimento da nossa cidade. Antes de iniciar a consulta pública, fomos procurar entender e aprender sobre os serviços ofertados pelo Sesc, que certamente será um grande empreendimento para a cultura do nosso município”, afirmou o prefeito. O investimento para a construção será feito pelo Sesc e a unidade atenderá 70% da população mogiana.

No dia 2 de outubro, foi realizada uma audiência pública, no Theatro Vasques, para ouvir o que a população deseja sobre o projeto de um Sesc em Mogi das Cruzes, cumprindo mais uma etapa do ciclo de consultas públicas sobre a implantação da nova unidade, promovida por meio do programa Diálogo Aberto. Também foram realizadas consultas públicas com Conselho de Turismo, Conselho da Cidade, Associação Mogicruzense de História, Artes e Letras, Conselho da Pessoa com Deficiência, Conselho de Cultura, Conselho de Assistência Social, Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente e Conselho da Promoção da Igualdade Racial.

“Mogi das Cruzes deu um exemplo de articulação, que é o que o Brasil precisa aprender a fazer. O que vocês fizeram aqui com a sociedade civil organizada serve de modelo. Quero dar os parabéns à Prefeitura e à comunidade porque vocês fizeram algo diferente”, afirmou Ivo Dall’Aqua, que falou em nome do Sesc.

As mais recentes negociações para implantação de uma unidade do Sesc em Mogi das Cruzes começaram em 10 de fevereiro do ano passado, com a visita do coordenador de Planejamento do Sesc, Sérgio Batistelli e o gerente do Sesc Santo André, Jayme Paez, a Mogi das Cruzes. Na ocasião, a Prefeitura disponibilizou uma relação com cinco áreas municipais que poderiam receber o equipamento.

No dia 16 de março do ano passado, uma comitiva formada por equipe da Prefeitura e vereadores visitou o Sesc Belenzinho para conhecer as instalações e as atividades desenvolvidas em busca de referências. Outras unidades foram visitadas ao longo das negociações. Em maio, o grupo, acompanhado do diretor do Sesc no Estado de São Paulo, Danilo Miranda, visitou a área do Centro Esportivo do Socorro, que aprovou o local.

A implantação de uma unidade do Sesc em Mogi das Cruzes, no entanto, é sonho antigo da cidade, como lembrou o presidente do Sincomércio, Valterli Martinez, durante evento realizado na quarta-feira. “Quer fazer um agradecimento especial ao Airton Nogueira, porque nós devemos isso a ele. O Airton Nogueira foi o primeiro a pedir a implantação de um Sesc em nossa cidade e hoje esse sonho se torna realidade, trazendo enormes benefícios para Mogi e para todo o Alto Tietê”, destacou.

Conheça o portal de anúncios Será que Tem?

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome