Vai comprar um imóvel em leilão? Seja ousado mas com disciplina!

0
70
Imóvel em Leilão
SB post

Comprar um imóvel em leilão é um excelente investimento, mas precisa ser feito com cuidado. A frase parece óbvia, e é. A equação risco/retorno aplicável a qualquer investimento também vale para comprar um imóvel de leilão. Ou seja, quanto maior o risco, maior o retorno.

Mas as ofertas de imóveis de leilão são tão variadas que há graus de risco para todos os gostos. Nossa recomendação é ser ousado, mas com disciplina. Lembre-se que um bom investidor faz de 2 ou 3 arrematações por ano.

O espaço para erros é pequeno. Na prática, metade do sucesso da arrematação ocorre antes do leilão.

O que considerar na hora de comprar um imóvel em leilão?

Veja o que você precisa considerar para definir se vale a pena arrematar e por qual preço:

1) É para investimento ou moradia?

Se for para investimento, especialmente focando na revenda, os custos serão mais altos (impostos, corretagem etc.) e por isso o preço de compra tem que ser muito baixo.

Na Torque nós recomendamos arrematar pelo valor equivalente a no máximo 60% do valor de uma avaliação conservadora do imóvel. Essa avaliação conservadora é normalmente uma média dos valores de anúncio com um desconto de 15 a 20%.

Se for para moradia, pode-se chegar a um valor de até 70% do valor de uma avaliação conservadora do imóvel.

Acima desses valores, a chance de o investimento não compensar é grande.

2) Vou conseguir registrar e ocupar o imóvel?

Ter certeza de que será rápido e fácil desembaraçar o imóvel adquirido em leilão é impossível. Nossa estimativa conservadora é de 6 a 12 meses entre a arrematação e a venda. Mas há várias maneiras de mitigar os riscos existentes em qualquer arrematação.

Imóveis de bancos, especialmente da Caixa Econômica, em leilão extrajudicial por financiamento com alienação fiduciária costumam ser menos problemáticos para regularizar e desocupar. Leilão por dívidas de condomínio também costumam ser uma boa pedida. No outro extremo, leilões judiciais por dívidas trabalhistas ou cíveis quase que certamente exigirão uma cuidadosa avaliação de advogado.

Não corra riscos. Se estiver muito complicado, cheio de penhoras e questões judiciais obscuras, busque uma outra oportunidade.

3) Quanto tempo vou levar para vender o imóvel?

Quanto mais tempo demorar para vender o imóvel, menor o seu retorno comparado com um investimento normal em banco, por exemplo. O segredo do lucro nessa área está no giro. Vale mais a pena vender rápido do que vender caro. Programe-se para levar pelo menos 12 meses entre a arrematação e o recebimento do valor da venda. Lembre-se de que, mesmo após a venda ocorrer, pode levar um tempo até receber todo o dinheiro.

Em resumo, seja ousado, mas conheça o seu investimento e estabeleça um limite máximo para o seu lance. Responda as perguntas acima e se as respostas forem satisfatórias, boa arrematação!

Precisa de suporte para investir em leilão de imóveis? Entre em contato com a TORQUE INVESTIMENTOS!

Nos encontre também nas redes sociais: FacebookInstagram e LinkedIn

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome