SP faz megamutirão de catarata para operar quase 6 mil pacientes

Cirurgias serão realizadas em unidades do AME até o fim do mês de março; investimento extra do governo do Estado é de R$ 2 milhões

0
631
Ao visitar o AME Barradas, Geraldo Alckmin destacou a importância da iniciativa para os cidadãos
SB post

O governador Geraldo Alckmin participou, nesta sexta-feira (9), do Mutirão da Catarata realizado pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo nos Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs) do interior e da capital que oferecem esse procedimento cirúrgico.

Ao visitar o AME Barradas, na região de Heliópolis, em São Paulo, Alckmin destacou a importância da iniciativa para os cidadãos paulistas. “Nossos AMEs cirúrgicos têm Hospital Dia, em que as pessoas são operadas, passam pela recuperação e seguem para casa à noite. Com isso, conseguimos fazer mais procedimentos do tipo”, ressalta o governador.

“Desde 2010, ano de início do funcionamento, o AME Barradas realizou 9.891 cirurgias oftalmológicas. Assim, esperamos zerar a fila com esse mutirão que envolve 34 AMEs no Estado de São Paulo”, acrescenta Geraldo Alckmin.

Investimento

Cerca de 6 mil atendimentos deverão ser realizados em todo o território paulista, o que representa aumento de 50% na produção de rotina, viabilizado por meio do investimento de R$ 2 milhões extras do Governo do Estado. Até o fim de março, as cirurgias serão promovidas nos AMEs localizados na capital, Grande São Paulo, interior e litoral.

“Há várias pessoas no Estado de São Paulo com catarata total bilateral, completamente cegas, mas se trata de uma cegueira reversível. Assim, o mutirão tem importância essencial para melhorar a qualidade de vida desses pacientes”, ressalta o oftalmologista Francisco Crestana.

As unidades organizaram a rotina e ampliaram em 50% a capacidade de agendamentos, de modo a atender os pacientes que já possuem indicação cirúrgica de catarata e estão preparados para passar pelo procedimento. A finalidade é agilizar os serviços da rede estadual, conforme a demanda e o perfil assistencial de cada unidade.

De acordo com a aposentada Helena Joaquim, de 89 anos, o atendimento é um dos diferenciais no AME Barradas. “A cirurgia foi ótima. Em novembro, eu fiz em um dos olhos. Neste mês, passo pelo procedimento no outro olho. Não tenho do que reclamar, pois a bondade e a alegria estão em todo os lugares por aqui”, afirma.

As cirurgias ocorrem desde o dia 19 de fevereiro. “Decidimos realizar esse mutirão para agilizar a realização de procedimentos cirúrgicos de pacientes com catarata e, consequentemente, melhorar a vida dessas pessoas. A ação evidencia e reforça o perfil de alta resolutividade dos nossos AMEs”, afirma o secretário de Estado da Saúde de São Paulo, David Uip.

AMEs participantes do megamutirão de catarata

Grande São Paulo: Santo André, Mauá, Itapevi, Geraldo Bourroul (capital), Heliópolis/Barradas (capital), Maria Zélia (capital), Jardim dos Prados (capital),

DRS Araçatuba: Araçatuba, Andradina

DRS Araraquara: Taquaritinga

DRS Baixada: Santista Santos, Praia Grande

DRS Barretos: Barretos

DRS Bauru: Bauru, Promissão

DRS Campinas: Atibaia, Amparo, Jundiaí

DRS Franca: Ituverava, Franca

DRS Marília: Ourinhos, Assis, Tupã

DRS Piracicaba: Piracicaba, Limeira

DRS Presidente Prudente: Dracena

DRS Registro: Pariquera-Açu

DRS São João da Boa Vista: Mogi-Guaçu

DRS São José do Rio Preto: Catanduva, Jales

DRS Sorocaba: Sorocaba, Itapetininga

DRS Taubaté: Caraguatatuba, Lorena

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome