Concurso FameLab tem prazo prorrogado até dia 11 de março

Participação envolve apresentação oral em vídeo sobre um tópico de ciência e/ou tecnologia, com duração máxima de 3 minutos

0
318
SB post

Estudantes brasileiros interessados em participar do concurso internacional FameLab de comunicação científica ganharam mais alguns dias para enviar seus vídeos de inscrição. O prazo do concurso foi prorrogado para o próximo dia 11 de março.

No vídeo em destaque, acima, o vencedor do FameLab Brasil 2017 Felipe Costa convida candidatos para a edição deste ano da competição.

A FAPESP participa da chamada de propostas, que foi lançada em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), o Museu do Amanhã e o Conselho Britânico, que organiza o concurso.

A chamada está publicada em: www.fapesp.br/chamadas/2018/famelab2018.pdf.

A participação no concurso envolve uma apresentação oral sobre um tópico de ciência e/ou tecnologia, com duração máxima de 3 minutos, sem recurso de PowerPoint ou outro dispositivo eletrônico de apresentação, e com uso limitado de materiais de apoio portáteis.

Entre os objetivos do concurso estão promover a aproximação entre cientistas e cidadãos, por meio da contextualização e abordagem de temas científicos do dia a dia da sociedade, e incentivar o desenvolvimento de competências de comunicação, em especial, a habilidade oral.

Poderão se inscrever bolsistas de mestrado (stricto sensu), doutorado, doutorado direto e pós-doutorado, com idade mínima de 21 anos e bolsa vigente até o dia 30 de junho de 2018 ou data posterior, nas áreas de Ciências da Vida ou Ciências Exatas, Tecnológicas e Engenharias e que sejam fluentes em português e inglês.

As candidaturas devem ser apresentadas até 11 de março por meio de um vídeo de inscrição e realização de cadastro eletrônico on-line disponível em www.famelab.com.br.

O concurso FameLab foi lançado em 2005 pelo Festival de Ciência de Cheltenham, na Inglaterra, e está presente em 32 países. A primeira edição no Brasil ocorreu em 2016 por iniciativa do British Council, em parceria com a FAPESP.

Na ocasião, apenas bolsistas da FAPESP puderam se candidatar. Graças ao sucesso da iniciativa, em 2017 outros parceiros aderiram à chamada, elevando o concurso para âmbito nacional.

Trinta finalistas selecionados participarão de uma etapa de treinamento intensivo (Masterclass 1), em inglês e sem tradução simultânea, com uma equipe de especialistas em comunicação científica que os preparará para a semifinal.

A etapa será no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, nos dias 23 e 24 de abril. A semifinal nacional (25/04), a Masterclass 2 (26/04) e a final nacional (27/04) também ocorrerão no Museu do Amanhã.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome